sexta-feira, 8 de setembro de 2017

#aliceaventureira

No meio da tarde, recebo uma foto de Fortaleza (CE), do CineMaterna no RioMar: uma mãe, Rafaela, vestindo uma camiseta com logotipo do CineMaterna, e sua filha, a fofíssima (e aventureira), Alice. Uma mãe que encomendou uma camiseta e um body para elas curtirem o CineMaterna juntas e "uniformizadas", não é para derreter de amor?

Rafaela e sua filha Alice,
que vestem a camisa do CineMaterna 

São as pequenas lindas surpresas do dia. Singelas, chegam discretamente e causam grande comoção na gente.

Por falar em carinho-supresa, tem uma história envolvendo a coordenadora de Fortaleza, Rejane Reis. Há alguns meses tivemos um lançamento na cidade e ela foi impedida de ir. Na véspera, soube que teria que cobrir uma colega no trabalho no dia do evento. Rejane chorou, literalmente. Ligou aos prantos para avisar que não conseguiria estar conosco.

Quando cheguei a Fortaleza, um dia antes do evento, entrei em contato com ela para pegar nossos equipamentos, que estavam em sua casa. Ela respondeu que levaria à noite, insisti que era meu trabalho fazer este transporte. No que recebo a resposta: "Irene, eu quero fazer pelo menos isso... Vou participar com o máximo que posso. Não poderei estar presente, mas meu coração estará lá". E mandou a foto abaixo, demonstrando a tristeza de não estar no lançamento.

Rejane, coordenadora
CineMaterna de Fortaleza

É um amor que vem de todos os lados. Neste caso específico, lá do nordeste. Vem com a brisa morna do mar, aquecer o coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário