terça-feira, 24 de junho de 2014

A iniciativa de cada uma

Ela foi a primeira pessoa que se candidatou para trabalhar na matriz. Digo isso porque antes eu ficava de olho nas voluntárias e mães do público, como olheiro de jogador de futebol, e convidava para uma conversa quando percebia que a pessoa se encaixava em determinado perfil. Ela, que é discreta e quietinha, mostrou que timidez é característica desassociada de iniciativa. Sorte nossa!

Simone Lam conheceu o CineMaterna como mãe, com sua primogênita. Veio ser voluntária, engravidou de seu segundo filho, saiu de licença e voltou, para coordenar diversas equipes da zona sul de São Paulo. Depois de quatro anos conosco, me enviou um e-mail contando que estava em um momento de retomada da carreira: já tinha sido empresária e abdicou de sua vida profissional para ser mãe dedicada aos primeiros anos dos filhos.

À esquerda, Simone trabalhando em um lançamento em SP,
antes de passar para o lado da matriz

Eu, como o "departamento de recursos humanos" (composto por mim e por mim, rs), achei aquele movimento muito interessante. Quando surgiu uma vaga, conversamos longamente, e inauguramos uma nova fase: desenvolvemos até um exercício técnico para conhecer melhor os conhecimentos da candidata.

Taís Viana, Juliana Freire e Simone, no desafio de recriar os trocadores
que ficam dentro do cinema

Simone está na matriz do CineMaterna há quase três meses. Provavelmente levou um susto com a quantidade de trabalho gerado por tão poucas pessoas. Somos menos de 10 e fazemos acontecer mais de 60 sessões por mês, em 32 cidades, em uma rede de competências onde cada uma se dedica com paixão de mãe que leva carinho para outras mães, Brasil afora.

3 comentários:

  1. Pq tem tão pouca sessão em Goiânia? Pq só vai ter em agosto?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, as sessões em Goiânia são mensais, mas em julho, a Kinoplex pede a suspensão das sessões porque o cinema fica muito cheio. :)

      Excluir
  2. Parabéns pelo belo trabalho! Já fui a duas sessões em Manaus e marido e filho mais velho sempre perguntam quando será a próxima sessão para levarmos nossa bebê

    ResponderExcluir