quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Lançamento em Fortaleza 3 (por Alexandra)

PARTE 2

Dia de estreia! A camiseta rosa nos denuncia e gostamos de circular assim. As coordenadoras locais estavam a postos e começamos a montar a sala de cinema, que vai ficando com a nossa cara.


Quem não conhece uma sessão CineMaterna não sabe direito o que vai acontecer. E de repente... um mundo de mães e bebês invade o cinema!


Ufa! Em clima de festa todo mundo foi chegando e esbanjando charme na estreia do CineMaterna.


Teve cobertura de imprensa e os bebês sempre surpreendem dando um show à parte.

 
Taís caprichando na entrevista
No escurinho do cinema, o tapetinho para bebês e engatinhantes.
Intenso movimento nos trocadores durante a sessão, sem perder o filme!
Nosso segurança oficial a postos!

Ao fundo do estacionamento de carrinhos, o céu estrelado no átrio do cinema me trouxe a lembrança do teto com leds piscantes da sala de parto em que o Jonas nasceu! A adrenalina no lançamento é bem parecida!

Na saída, Jonas e Gláucia capricham na simpatia e entregam o presentinho da Natura Mamãe e Bebê!


Equipe feliz e completamente exausta! Carolina com a sua Maria, Alexandra, Juliana com o meu Jonas, Tais, Luana, Danielly com a sua Mariana, e Gláucia.

Ninguém queria ir embora, ficamos ali sentadas conversando por mais uma hora, curtindo a emoção. O bom é que na próxima sessão tem bate-papo no café!

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Lançamento em Fortaleza 2

PARTE 1

Não foi fácil chegar a Fortaleza para estrear o CineMaterna. Nossa 13ª cidade, o 10º estado e a capital mais distante. Chegar até aqui com o nosso projeto significa muito. Nessa conta entram dois anos de trabalho pesado.


Trabalho pesado, literalmente!

Não é mole, mas a gente se diverte! É neste clima que descarregamos no aeroporto pelo menos 40 quilos de bagagens para cada um de nossos lançamentos. No caso de Fortaleza, foram 80 quilos! “Quanta mordomia para um só bebê” - costuma dizer a Gláucia, se referindo ao Jonas (meu bebê com oito meses e nosso chaveirinho da sorte em lançamentos), enquanto colocam na esteira dois trocadores, brindes da Natura Mamãe e Bebê, tapetes EVA e a caixa de fraldas.


 
Dessa vez estávamos desfalcadas da nossa fotógrafa oficial, já que a Irene está tão redondinha que o marido resolveu intervir! Sentimos falta dela e para compensar caprichamos no número de fotos, posts no Twitter e Facebook . A Taís diz que está treinando para fazer cobertura completa do parto da Irene, e está indo fundo nas redes sociais para saber como funcionam todas as ferramentas disponíveis.
Sob o sol de Fortaleza!

Nossa rotina: chegar ao aeroporto, achar um táxi onde caiba tudo e dizer a clássica frase: “Direto para o shopping, por favor”. O primeiro taxista foi milagreiro ao encaixar tudo no carro, mas desapareceu na hora da foto. Deixou-nos na porta errada e, com receio de pagar estacionamento, saiu correndo. Tínhamos que transportar todo equipamento + bebê para a entrada de material pelas docas. Ainda bem que conseguimos uma carona de um simpático carregador!


 Depois de descarregar tudo, a Gláucia não resistiu e atacou os mínions (vício descrito em outro post). Taís disse que negociará com o cinema para que ela possa levar alguns para casa definitivamente.


Viciadas e em clima de cinema acabamos ficando e assistindo a uma sessão regular de Nosso Lar, numa sala com tela gigante e descobrimos que o céu fica grande mesmo. Fomos para o hotel na expectativa de um dia bom para o lançamento!

(Parte 2 em breve...)

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Flanelinha


Olha só como nos preocupamos com a segurança dos carrinhos! Contratamos o Stallone como guardador. E ele nem pediu gorjeta!

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Alguns meses depois...

Marcela, a primeira da direita na foto abaixo, esteve no lançamento do CineMaterna em Porto Alegre, há quase um ano e saiu em uma grande foto no maior jornal da cidade, junto com duas amigas.


Marcela e as amigas foram frequentadoras assíduas enquanto puderam ir, antes de voltarem ao trabalho.


Quando fizemos o lançamento das sessões de sábado na cidade, 10 meses mais tarde, eu estive presente e a reencontrei, com seu filho - bem maior! - e marido. Aliás, as três estavam lá, com seus bebês beeeem mais sapecas!


O filme era 3D e os óculos foram o adereço especial das fotos de recordação da sessão em família!


Se tem uma característica boa deste nosso negócio é acompanhar o crescimento destes pequenos e  poder fazer parte, mesmo que minimamente, da história destas famílias...

terça-feira, 21 de setembro de 2010

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Apoio fundamental

Nós ainda éramos bem pequenininhas, atuávamos apenas em São Paulo, quando recebemos um e-mail do editor do site Guia do Bebê perguntando se gostaríamos do apoio deles na divulgação. Claro!


O tempo passou, nós crescemos, eles também, com um milhão de acessos por mês. Só temos a agradecer a estes grandes parceiros.


Agora que temos como retribuir um pouco mais, colocamos broches nas nossas camisetas e as novas já saem com logotipo do site.


E devo dizer: eles fazem toda a diferença para nós! Obrigada Ricardo e Sandro!

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Lançamento em Fortaleza 1

Estou feliz. A vida vai se ajeitando, tomando outra forma e... continua! Eu sobrevivi à distância do lançamento em Fortaleza! E nem fui aquela mãe ansiosa que liga de cinco em cinco minutos para saber se o filho está bem - rs. Fiquei pacientemente esperando me enviarem notícias enquanto ajudava e curtia a sessão em São Paulo.

Torpedos recebidos:
14h20: Fortaleza 86 adultos e 56 bebês
14h33: Fortaleza 91 adultos e 59 bebês (detalhe: a sessão começou às 13h30)
14h36: uma foto do estacionamento de carrinhos

Gláucia, de guardadora de carrinhos, com Jonas no sling, dormindo exausto
Sim, foi um sucesso! Lançamento literalmente quente - o ar-condicionado estava com problemas... Equipe, público, Natura Mamãe e Bebê, Fraldas Baby&Baby, UCI CinemasShopping Iguatemi Fortaleza: chegamos em Fortaleza para ficar!

Não tenho mais imagens, a fotógrafa oficial foi a Alexandra, nossa assessora de imprensa, que só chega hoje à noite. O voo da volta foi cancelado e elas foram "obrigadas" a passar a manhã lá - bem, podiam ter escolhido o voo das 6h da manhã, hehehe. Não vão à praia agora cedo, pois estão neste momento indo para o estúdio onde participarão de programa ao vivo às 8h30. Mas me contaram que estão de biquíni por baixo da roupa, hahaha. E Jonas deve estar de sunguinha. :o)

Mais imagens em breve...

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Snif...

No post abaixo, estou parecendo super-bem-resolvida com o primeiro lançamento no qual não estou indo. No fundo, não é bem assim.

Recebi ao longo da manhã duas fotos:

Alexandra e Gláucia despachando 80 quilos de bagagem (!)

Gláucia, Taís e Jonas no avião, indo para Fortaleza

Ai, foi duro constatar que não estou lá.

A decisão de não ir foi minha. Eu até poderia ir, estou de 34 semanas, seria minha última viagem de avião. Seria puxado, são três horas, minha circulação não está lá grandes coisas - apesar de eu não inchar, meus pés e mãos estão meio gordinhos. E o ritmo de lançamento é pauleira, um monte de mães, bebês, equipe, imprensa, arruma um negócio aqui e outro ali, tudo ao mesmo tempo. E adrenalina, expectativa em saber se as pessoas vêm, se vai dar tudo certo, se elas ficarão felizes.

A verdade é que decidi não ir quando percebi que meu marido estava preocupado com minhas viagens e manifestou isso na última que fiz, há duas semanas. Seu receio era que eu parisse em terra estranha. Estou bem tranquila que nada aconteceria, mas acho que algumas decisões devem ser tomadas em nome da tranquilidade do casal. Não tinha por que desafiá-lo. Claro que eu preferia que já fosse em uma semana em que eu definitivamente não pudesse viajar, proibida pela companhia aérea. Tão mais cômodo deixar para os outros a decisão!

Fico me perguntando se meu aperto no coração seria o mesmo se eu estivesse trabalhando em uma empresa e não no CineMaterna, com todo o significado que a iniciativa tem para mim. Tendo a achar que não. E também não acho que é um dilema de uma workaholic, que não consegue desligar do trabalho, apesar de eu ser uma, em vários momentos. Acho que é paixão mesmo. E como diz a definição, paixão é grande entusiasmo por alguma coisa; calor, emoção, vida. Mas também sentimento, gosto ou amor intensos a ponto de ofuscar a razão. O irracional não se explica, se sente. E sinto nas entranhas não só as alegrias, mas também os desapontamentos, que fazem parte da trajetória. E ainda tenho que ser racional a maior parte do tempo, pois afinal, é um negócio como qualquer outro. Apesar de eu achar que não, que é super-mega-especial! rs

Fortaleza, estamos chegando - mas eu não

De: Aretusa
Cidade: Belo Horizonte
Estado: MG

Mensagem: Sou de Fortaleza/CE e tenho uma bebê de 1 ano e 9 meses, infelizmente não podemos mais participar das sessões. Conheci vocês pela internet, acho que logo depois que minha filha nasceu, mas não tinha sessão em Fortaleza. Em agosto de 2009 mudei para Sumaré/SP e em dezembro fui a uma sessão em Campinas. Foi muito bom, eu, meu marido e Sophia adoramos. Logo depois, nos mudamos pra Fortaleza de novo, e lá ainda não tinha Cine Materna. Em junho de 2010 me mudei para Belo Horizonte, mas Sophia já estava com 1 ano e 7 meses. Agora fiquei sabendo que na minha terra, Fortaleza, vai ter sessão Cine Materna, fiquei feliz d+! Sou uma grande incentivadora, desejo muito sucesso para vocês!!! Beijos e abraços!!!

Amanhã é o lançamento do CineMaterna em Fortaleza, Aretusa. É o primeiro lançamento que não acompanho, estou barrigudíssima, não deu para viajar de avião, ainda mais um voo de três horas. É como um filho que cresceu e de repente, percebo que não depende mais de mim, caminha sozinho. Dá um aperto no coração, uma vontade de estar junto, e ao mesmo tempo, um orgulho por perceber que está independente. Sinto uma expectativa como se estivesse lá, com toda a equipe e o público. E sua vibração também está junto...

Obrigada pelo carinho, incentivo, apoio, mesmo não conseguindo frequentar como gostaria.

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Os Malvados Favoritos dela

A gente se diverte, não importa onde nem como. Olha só a Gláucia com os minions, estes personagens amarelinhos do filme Meu Malvado Favorito.


Agora... repare bem neste. Ele não gostou muito da nova companhia... Hahahaha.

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Barriga


Eu não disse que minha barriga estava enorme? Você não acha? Eu acho, sim!

Encontrei esta foto no Facebook do Starbucks. A foto foi tirada há duas semanas, no café pós-sessão em São Paulo. Não sou do tipo de tirar fotos da minha barriga. Adoro fotografar, mas não gosto de ser fotografada... Vai explicar.

E por falar em foto de barriga, segue um vídeo lindo de grávida. Adoro gente criativa!


Magic- A Belly Grows from The Panic Room Videos on Vimeo.

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Intercâmbio

Lênia e Vitor, de Curitiba
Sou frequentadora do CineMaterna desde que Vitor tinha 3 meses, quando da estreia em Curitiba. Minha amiga Joseilma reside em Recife e estava passando por aquela fase de adaptação com sua nova vida de mãe e esposa. Conversamos ao telefone dia desses sobre os temas que encantam e atemorizam neste momento. Sugeri que ela fosse a uma sessão do CineMaterna. Em um primeiro momento colocou alguns obstáculos e eu fui mostrando para que o primeiro passo era ela desejar sair de casa com a Amanda.

Para minha alegria, ela foi no dia em que Amanda completava seus dois meses. Recebi um torpedo dela contando que tinha curtido muito e agradecendo a dica. Depois ela me escreveu:

Joseilma e Amanda, de Recife
        
"Inicialmente não prestei atenção ao filme, porque fiquei admirada com Amanda olhando para a tela. Eu aqui no cinema com minha filha bebê!? Nunca imaginei viver tal coisa. Tiramos uma foto antes da sessão, que recebemos impressa ao sair da sala. Amei, porque pude ver que ESTOU BONITA E MINHA FILHA É LINDA!

Depois participamos do bate-papo, respirei outro ar e vi gente! Iremos novamente, valeu muito pela dica. Beijos."

É com alegria que parabenizo mais uma vez a Equipe CineMaterna  que trabalha com dedicação e carinho para que tantas mães sintam-se ACOLHIDAS com seus pequenos filhos e filhas.

Beijos de fã emocionada.
Lênia Luz


O maior carinho que podíamos receber, além desta delicada mensagem, é que a Lênia passou a integrar nossa equipe em Curitiba. Lênia, bem-vinda à equipe que vai continuar acolhendo as mães neste momento tão especial de vida!

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Companhia

Alexandra e Taís vão escrever no blog comigo. Nós três fundamos o CineMaterna, começamos esta história maluca por "desespero pessoal", como costumo brincar. Hoje tem muito mais gente envolvida, seja nos bastidores (Bianca, Gláucia, Juliana e Tatiana), seja na linha de frente, onde temos mais de 60 voluntárias que são as coordenadoras de sessão em cada sala que atuamos.

Quem acompanha o blog sabe que no final das contas, eu não escrevo sozinha, conto com a ajuda do público, que compartilha suas histórias e emoções. Mas agora, oficialmente, Alexandra e Taís vão contar um pouco a parte que elas tocam, assessoria de imprensa e estratégia comercial, respectivamente. Ou simplesmente, o fato de serem mães, a outra parte de suas histórias...

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Achei!!!

Lembra que pouco tempo atrás eu escrevi um post entitulado "Compro Tempo"? Pois achei! Saiu na Folha de São Paulo de hoje:

Folha de São Paulo, Ilustrada, 06/09/2010

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Saindo do ar

Última viagem de avião, 32 semanas de barriga, que não passa mais despercebida. Fomos na quarta para Vitória, ES, Taís e eu, para fazer vistoria no cinema, entrevistar equipe e conversar com o shopping.

O dia começou às 3h15 da manhã, quando acordei, olhei no relógio e vi que podia dormir por mais uma hora. Só que eu tenho insônia e fiquei virando na cama, pensando que deveria dormir mais um pouco, que poderia esperar o despertador tocar, que... bem que eu podia comer jabuticaba (rs)! Vi que estava enrolando e resolvi levantar. Quando olhei no relógio, tinha perdido a hora, em 15 minutos deveria tomar banho, fechar minhas coisas e correr para a rua para pegar um táxi! Estava sonhando com as jabuticabas e achei que estava acordada.

Deu tempo, voando, e ainda comi umas 10 jabuticabas antes de sair, hahaha. Quase tirei uma foto do relógio gigante que tem perto da minha casa marcando 5h08 da manhã... Achei que era demais, eu, sozinha na escuridão, com uma máquina fotográfica e atrasada.

Taís e eu, ratas de aeroporto, nunca acreditamos nas TVs que dizem que estão chamando no portão de embarque. Várias vezes aconteceu de estarmos no portão de embarque, a TV dizendo que estavam chamando e nada! Resolvemos comer algo antes de embarcar e fomos calmamente para o portão, o último do aeroporto. Quando estávamos quase chegando, anunciam nossos nomes completos, última chamada. Já vai, gente!!!

Entramos no avião, voo de uma hora tranquila, quando estávamos para pousar, o avião arremeteu, subiu novamente. Por um lado, foi bom, pois sobrevoamos por mais de 10 minutos o lindo e verde mar de Vitória. Pena que não podia mais ligar equipamento eletrônico e não pude tirar nenhuma foto.

Fomos para o shopping, cumprimos nossa agenda e rumamos para o hotel. Quando pesquisamos pela internet, dizia que o hotel era quatro estrelas, as fotos estavam razoáveis. Pois então...

Só de parar na porta do hotel deu medo. O lobby era bem decadente. O quarto tinha um odor de peixe estragado. E quando entrei no banheiro, na pia havia uns pequenos insetos não-identificados, que se alojaram numa fresta. Hora de fugir correndo! Escapamos para um hotel de rede conhecida, perto do aeroporto, onde conseguimos vaga.

Ainda não acabou! No voo da volta, sentou um bando de marmanjos na nossa frente que estava indo para Nova York. Parecia uma turma de adolescentes indo para a Disney, falando muito alto, em pé, no meio do corredor, fazendo piadas, rindo, enfim, sem nenhum respeito a quem estava em volta... Chegamos com dor de cabeça em São Paulo. Que só foi amenizada porque íamos nos encontrar com os filhotes...

Quanta aventura na minha última viagem pelo ar, hein?

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Para que time você torce?

E por falar em bebê corintiano, Jonas fez amizade na bilheteria do cinema.


Aproximou-se de um sãopaulino - segundo a mãe, porque o pai disse que ele é corintiano. Olha só a meia...


Acho que o pai corintiano só deixou a mãe colocar a meia porque é discreta. Bom, o bebê tem tempo para decidir. Já pensou se resolve ser palmeirense?