sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Mensagem de Natal CineMaterna

(clique na figura para ampliar)

Lista de filmes

Não sou crítica de cinema, minha lista é de "filmes que vi e gostei". Opinião pessoal de cinéfila. Ah, e não estão em ordem de "gostância" - não consigo fazer isso...

Juno (além de um bom filme, tem o laço emocional de ter sido a estréia da CineMaterna)
Chega de Saudade (tão delicado!)
Estômago (fui surpreendida, achei que não ia gostar)
Um Beijo Roubado (e gostoso de ver)
O Escafandro e a Borboleta (tem gente que acha triste - eu achei para cima)
Linha de Passe (o impasse da vida)
Ensaio sobre a Cegueira (Saramago com Meirelles ficou muito bom)
Vicky Cristina Barcelona (Woody Allen em grande forma)
As Aventuras de Azur e Asmar (como não vi antes? tem que ver no cinema!)
Hanami- Cerejeiras em Flor (presente que ganhamos na Mostra)

Filmes que adorei, fora da CineMaterna:
4 Meses, 3 Semanas e 2 Dias (foi o primeiro filme que fui desde que o Max nasceu. Foi esta sessão que inspirou a CineMaterna)
Do Outro Lado (quem sabe na CineMaterna em 2009?)
Feliz Natal (pesaaaaado, mas booom)

Última, derradeira do ano

Ontem foi a última sessão do ano. Achei que me sentiria triste, mas não. Acho que é porque não ficou a sensação de última de verdade, já que ano que vem estaremos de volta e estou ansiando pelo descanso. Foram 64 sessões CineMaterna em 2008, só não fui em três porque estava viajando. Vimos 58 filmes - estes, vi todos. Fora os filmes que vi fora do circuito CineMaterna (foram 12 só na Mostra).

Pensando bem: a gente descansa durante as festas de final de ano? Socorro, quero ir ao cinema!!! Hahahaha.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Final feliz?

Ontem assistimos Rebobine Por Favor, do mesmo diretor de Brilho Eterno de Uma Mente sem Lembranças, que eu amei. Bom, não amei o filme de ontem, mas tem ótimas idéias, passagens engraçadíssimas, e não deixa de ser uma homenagem ao cinema, especialmente aos filmes que marcaram alguma época.

Eu, particularmente, adorei o final. Finais são muito difíceis: se é feliz demais, fica bobo, se é trágico, é pesado, se é emocionante, pode ser piegas.

Sem estragar para quem ainda não viu o filme - tem que tomar esse cuidado também, né? - o final de ontem me tocou. Praticamente na última sessão CineMaterna do ano, me senti exatamente como Jerry, o personagem de Jack Black, profundamente emocionado, no lusco-fusco da projeção de um filme.

Maria dormiu

Ontem, ao final da sessão, enquanto as luzes iam sendo acesas, a Karina - que coordena as vindas de metrô - vê sua filha deitada no chão... Maria dormiu! Ô Maricota, não gostou do filme? Hehehe.


terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Entrou de surpresa

As luzes já estavam apagadas, mas ainda estavam passando os comerciais. Ouço uma mãe ao celular: "Adivinha onde nós (ela e o bebê) estamos? No cinema!!!". Ela estava passando na frente do cinema com seu bebê, já tinha ouvido falar da CineMaterna, mas não sabia que naquele dia, naquele horário e naquele local. Entrou e estava feliz da vida.

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Impressão masculina

Esta semana veio um jornalista escrever uma matéria sobre a nossa sessão. Veio devidamente "paramentado" com seu bebê a tiracolo, conhecer a experiência de ir ao cinema com ele. A Alexandra, nossa assessora de imprensa, lhe perguntou por e-mail como foi, se ele gostou. Eis o que ele escreveu:
"Achei divertidíssimo. De verdade. Não parava de rir com a sinfonia de choro vez por outras. Mas, realmente, era muita informação pra um homem só... Hehehe."

Hehehe... :o)))

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Coincidências

A CineMaterna é repleta de histórias de coincidências. Eis algumas que me lembro (por acaso, uma com cada pessoa da equipe)

1) A Taís tinha nos contado como foi seu primeiro encontro com seu marido - esta, já uma história de coincidência. Ele ligou para ela no celular, insistindo para que eles saíssem, ela sem muita convicção. Ela pensou: "preciso de um sinal". Ele perguntou onde ela estava, ela descreveu a rua e disse que estava em frente ao prédio comercial XYZ... que ficava exatamente em frente ao prédio onde ele morava. Claro que eles se encontraram, namoraram, casaram e nasceu a Aninha! Pois nossa primeira reunião com um potencial patrocinador não foi exatamente no prédio XYZ, na semana em que a Taís nos contou esta história?

2) Semana passada estávamos fazendo um planejamento para o ano que vem. Comentamos como seria interessante anunciar no jornal M, que deu muito retorno quando nele saiu uma matéria sobre nós. Quando vimos a tabela de preços, constatamos que é bem salgada, não sabíamos se seria possível. No final de semana, Alexandra me liga dizendo que encontrou com a pessoa de quem comprou o carro, que ela mudou de emprego e agora trabalha no marketing... do jornal M! Que existe uma tabela especial para ONG's, mas que ela tem interesse em conversar para um eventual apoio do jornal!

3) Ontem minha cachorra, Nara, escapuliu. Moro no 16o, o zelador a encontrou no 6o andar. Enquanto estava esperando uma pessoa que foi pegá-la, tocou o telefone, era a Ana Lúcia dizendo: "A Nara disse que está tudo certo na reserva do nosso espaço no café hoje à tarde". Hã? Como assim, a Nara disse? Nara era o nome da pessoa com quem a Ana conversou no café. Detalhe: nós sempre conversamos com uma Aline, nunca teve Nara antes. Até eu entender do que ela estava falando...

Alexandra, Irene, Taís e Ana Lúcia, com os respectivos pequenos.

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Duquesa-mater


Hoje assistimos A Duquesa. Eu achei que seria um filme de época, sobre uma duquesa que se rebelou contra os padrões, uma mulher forte, de vanguarda. Não deixa de ser isso, mas acima de tudo, é um filme sobre uma mãe, sobre o amor materno, sobre como ser mãe nos modifica... Sem ser piegas, nem bobo.

Vinheta de Natal

Foi com muita emoção que ganhamos da Rain (obrigada, Danielle!), que faz a projeção digital nos cinemas, uma vinheta de Natal. O trabalho foi feito a partir da versão natalina do logotipo feito pela Nádia Lemos. Será projetada nas sessões de dezembro, no Espaço Unibanco e no Arteplex.

video